Tudo sobre a banda britânica Muse formada por Matt Bellamy, Dom Howard e Chris Wolstenholme.

Instagram Facebook Twitter

Entrevista Muse BR – Os Impostores da Guitarra

Olá pessoal!

Fui convidado pela banda Os Impostores para conferir o show que iriam fazer no Republik Pub em João Pessoa no dia 21/03/14. A banda me convidou no início da semana então passei uns bons dias bastante ansioso. Eu já tinha ouvido falar – muito bem – da banda e saber que eles viriam de novo pra João Pessoa (a banda é de Recife) me deixou bastante animado já que eu tinha perdido o primeiro show deles na cidade que foi no Vila do Porto.

Os Impostores” é um Muse cover de Recife formado pelos amigos Leandro Medeiros (vocal), Giuseppe Trevisan (guitarra/piano/backing vocal), Hugo de Souza (baixo) e Guilherme Amorim (bateria/samples). A banda foi formada em 2011 e fez seu primeiro show no Bar Burburinho em Recife. De lá pra cá a banda já passou por mudança na formação e pelo que me falaram evoluíram muito musicalmente.

Confira abaixo um pouco do papo que tive com os caras após o show no Republik Pub!

Como a banda foi formada?

  • “Em 2010, eu (Giuseppe) ainda não conhecia o Muse, foi quando Leandro me apresentou. Falei para darmos início ao projeto, mas ainda faltava um baixista e um baterista. Nessa época entrei numa banda (cover) de músicas mais comerciais, populares… Foi quando conheci Hugo e nosso ex-baterista. Realizamos nosso primeiro show em junho/julho de 2011 no Burburinho. Os equipamentos não eram de boa qualidade, era tudo meio precário. Após esse show, nosso baterista saiu da banda. Conhecemos Guilherme e ele trouxe mais tecnologia para banda, como por exemplo, os samples.”

Depois de 3 anos de shows, qual música vocês sentem que o público mais pira?

  • “A reação nos hits é bem mais forte. Pessoal fica louco em Time is Running Out, Plug in Baby, Supermassive Black Hole, Starlight e Madness que foi a balada revelação do The 2nd Law

E pra vocês: Qual a melhor música pra tocar ao vivo?

  • Giuseppe: “Map of the Problematique”
  • Leandro: “Fico com Map também”
  • Hugo: “Foi uma das primeiras músicas que ensaiamos e é onde minha estrela aparece… Hysteria”
  • Guilherme: “Resistance. É uma música bem variada, gosto muito.”

Como são os shows?

  • “Costumamos tocar em Recife. Fizemos muitos shows por lá. Aqui em João Pessoa acabamos de fazer nosso segundo show. O primeiro, no Vila do Porto, foi memorável. Público compareceu e cantou muito. Sentimos que a cena do Muse em João Pessoa chega a ser mais forte que em Recife.”

Vocês conheceram o pessoal da Cydonia (Muse cover de João Pessoa). Como foi esse contato?

  • “Eles me acharam bonito… Brincadeira. Antes do nosso primeiro show aqui, Jonathan entrou em contato comigo pra falar da guitarra. Laureano também… Então trocamos várias ideias e eles foram nos ver lá no Vila do Porto.”

Jonathan Beltrão (guitarrista da Cydonia) fez uma participação no show do Republik Pub.  Ele subiu ao palco e encerrou o show tocando Starlight, o público reagiu muito bem. Laureano (vocalista da Cydonia) não pôde comparecer ao show. A Cydonia é uma banda que com certeza aparecerá aqui no site em mais uma entrevista futura!

CydoniaRepublik

Jonathan Beltrão guitarrista da Cydonia encerrando o show com Os Impostores tocando Starlight.

Voltando para Os Impostores: Giuseppe tem uma réplica da “Red Glitter” do Matt, isso mesmo, aquela vermelha que o Matt usou de 2007 até 2010. Eu quando vi essa guitarra tive um ataque de fã… Mas me controlei! O som dela é incrível, coisa de outro mundo, fiquei completamente arrepiado durante a passagem de som. Até os garçons do Republik Pub pararam para ver a guitarra em ação.

Como foi o investimento nessa maravilha de guitarra?

  • “ Em 2010 eu estava começando a gostar do Muse, fui digerindo aos poucos…Muse não é uma banda fácil de ouvir. Comecei a prestar atenção nos equipamentos, então comecei a juntar dinheiro e conheci o pessoal da Black Heart. Amei o resultado do trabalho.”
RedGlitter

A réplica da guitarra de Matt. A querida de Giuseppe!

Posso garantir que também amei o trabalho! Nos momentos em que eu não estava batendo cabeça ou me emocionando (muito!!! hahaha) meus olhos estavam na guitarra.  Outra coisa que chama atenção no Muse é a voz de Matt e com certeza não é nada fácil fazer cover.

Como é cantar num cover do Muse?

  • “Quando ouvi Muse achei a técnica vocal do Matt estranha… Com o tempo comecei a gostar muito. Estudei bem… Percebi que eu e Bellamy somos tenores, isso ajudou, mas não foi nada fácil. Uma das músicas mais difíceis de cantar é Plug in Baby. Ela tem um refrão muito forte e no final é uma explosão.”

Como é a demanda de shows?

  • “Ralamos muito! Lá em Recife tem o Burburinho que sempre tem as portas abertas pra gente. O problema em Recife é que tem muita “panelinha”, então é meio difícil de entrar. Isso é um problema não só pra banda, mas também para o público que quer ouvir coisas novas.”

Depois do Rock in Rio houve alguma mudança no público?

  • “Não notamos muito diferença nos shows. Mas notamos uma maior movimentação nas redes sociais. Tem muita gente curtindo o MuseBR. Recebemos também novos fãs depois das Olimpíadas, mas depois do Rock in Rio foi incrível.”

Pra vocês: Qual o diferencial do Muse?

  • “A atitude deles… Eles são audaciosos, não se vendem. Começaram na loucura, banda de bate-cabeça que pintava o cabelo, queriam chamar atenção e mostrar a “atitude rock”. O som deles é de qualidade, não se preocupam apenas com técnica. Os três músicos são excelentes, tem um casamento perfeito entre eles, algo que não acontece em muitas bandas. E o mais importante… Eles gostam de tocar.”

Pra finalizar: Qual o diferencial de vocês para os outros Muse covers?

  • Nós investimos em equipamento. O Muse exige recurso. Alguns samples nós gravamos. Diria que é isso, nosso investimento na qualidade, no equipamento, isso chama a atenção das pessoas.”

E como chama… Se você quer ouvir Muse tocado na melhor qualidade e com um setlist bem variado, “Os Impostores” é uma das melhores opções pra vocês! Eles conseguem fazer jus ao Muse. Próximo show da banda é  dia 26 de Abril.  Show será no Burburinho em Recife, mais de 2h de Muse. Bom show pra vocês!!

OsImpostores

Os Impostores em ação! Baterista tava escondido, mas garanto que no show ele aparece e muito!

Comments: 1

  • Jessyca Maria

    23 de abril de 2014
    reply

    Que bacana

Leave a Comment

%d blogueiros gostam disto: