Tudo sobre a banda britânica Muse formada por Matt Bellamy, Dom Howard e Chris Wolstenholme.

Instagram Facebook Twitter

NOTA DA EQUIPE SOBRE OS VALORES DOS INGRESSOS

11294594_864049880340399_1326910423_o

(English translation after portuguese version)

Nesta terça, fomos surpreendidos com os preços exorbitantes cobrados pela T4F pelos ingressos do Muse, divulgados apenas um dia antes da pré-venda. Querem capitalizar em cima do nosso amor por uma banda que denuncia os males do capitalismo… Nosso salário mínimo está em exatos R$ 788,00. O ingresso Pista Premium do Rio de Janeiro está custando R$ 700,00. Fora a absurda invenção de uma “early entry”, por mais R$ 300,00. Há ingressos mais baratos? Sim. Eles estão bem distantes do palco. Ou seja, se você quiser ficar cara a cara com a banda, de pertinho, você precisa gastar um valor que não está de acordo com a média brasileira, nem de longe, atingindo quase o valor do que muitos brasileiros tiram por mês. O ingresso de Pista Premium não será para os maiores fãs, e sim os mais ricos.

Estamos comprando ingressos para ver a mesma banda que compôs “Animals”, chamando atenção para a própria falta de limites do capitalismo, que pisoteia o que quer que seja em prol do lucro? Está difícil aceitar a contradição. O Muse precisa abrir os olhos para os valores abusivos que estão sendo cobrados dos fãs no Brasil.

Diante disso, a equipe MuseBR anuncia que não irá comprar ingressos para ver a banda no Brasil, por tempo indeterminado, em indignação por estes valores completamente fora da nossa realidade. Nem ingressos para U2, Arctic Monkeys, Pearl Jam, Queen custaram tão caro. Queremos que a banda fique conhecida no Brasil, trabalhamos de graça para isso, e estávamos preparados para ser parceiros na divulgação do show e atrair o maior público possível para o HSBC Arena e o Allianz Parque. Entretanto, o que a T4F conseguiu com essa “estratégia de negócios” foi apenas desanimar até os fãs mais fiéis. Queremos ser respeitados enquanto consumidores, e não feitos de otários e explorados porque gostamos muito de uma banda. Que todos os que compartilham do nosso pensamento aguardem também um posicionamento da T4F quanto a esses valores absurdos antes de comprar os ingressos.

#NaoSomosAnimais

 

ENGLISH

This Tuesday, Muse fans in Brazil were surprised by the exorbitant prices announced by T4F for the upcoming gigs in October, only a day before the pre-sale date. They want to make money out of our love for a band that denounces the evils of capitalism… Our monthly minimum wage in Brazil is exactly R$ 788,00. A premium ticket at the floor level in Rio de Janeiro is priced at R$ 700,00. Plus what the most loyal fans might pay for the absurd invention called “early entry”, a meager R$ 300,00 extra to get to the barrier first. Are there cheaper seats? Yes. Far away from the stage. In short, if you want to get near the band, you’ll have to spend an amount of money which is not in keeping with the country’s average income, not by a long shot, coming close to the monthly income of many Brazilians. Thus, premium tickets will not be for the biggest fans, but for the richest.

 

Are we buying tickets to see the same band that wrote “Animals”, exposing capitalism’s limitless greed, which will trample on anyone and anything for more profit? It’s become hard to accept the contradiction. Muse must have their eyes opened for the abusive prices being imposed on their Brazilian fans.

 

In face of all this, our team at the MuseBR fan club informs that we will put off our decision to go to the gigs in Brazil, to show our indignation at these prices, which are far removed from our reality. Not even tickets to bands like U2, Arctic Monkeys, Pearl Jam or Queen have cost as much. We want more than anyone else for our favorite band to come to Brazil and enjoy mainstream fame here. We work towards that goal for free, and we were prepared to be partners in the promotion of the events, helping attract the largest public possible to the gigs in Rio de Janeiro and São Paulo. Unfortunately, what T4F accomplished with their “business strategy” was to disencourage even the most faithful fans. We make a point of being respected as customers, and not being ripped off and made fools of because we follow our favorite band. Let everyone who hears the reason in our arguments hold out and wait for a statement from T4F regarding their prohibitive prices before you buy your tickets.

#WeAreNotAnimals

Written By

A equipe mais animada, doida, faladeira e confusa que um fã clube de Muse poderia ter. Nós amamos Muse de todo o coração assim como (a maioria) dos seus fãs. A dedicação é de coração.

Comments: 26

  • Tatiana Lima

    27 de maio de 2015
    reply

    Já compartilhei. Contei com meu total apoio!

  • Camila Vieira

    27 de maio de 2015
    reply

    justíssimo! palmas!!!!!

  • Nanda Bloisi

    27 de maio de 2015
    reply

    O que fazer agora? Apenas aguardar né? :/

  • Kátia Regina Nery

    27 de maio de 2015
    reply

    Absurdo, muito abusivo! Espero que repensem esses valores! tem como isso chegar ate a banda?

  • Aline Lopes

    27 de maio de 2015
    reply

    Infelizmente eu já imaginava que os preços estariam nesta faixa. Isso não quer dizer que seja barato e o preço seja justo. Acho que nem na Inglaterra, em Libras, um ingresso desse saia tão caro. Pior: não tem nem parcelamento no cartão de crédito.

  • Bruna Toledo

    27 de maio de 2015
    reply

    Vamos compartilhar e mencionar isso! Top trends #abusivepricingMUSEBR

  • Mísia Milhomem

    27 de maio de 2015
    reply

    Show do Ed Sheeran foi super em conta a pista abaixo do palco, pra quem tem carteirinha, eu só não fui porque soube em cima da hora, já tinha acabado, e tem gasto com passagem aérea, hotel…

  • Mísia Milhomem

    27 de maio de 2015
    reply

    Até hoje não consegui achar esse site T4P, qual eh o link?

  • André Rodrigues

    27 de maio de 2015
    reply

    JUSTÍSSIMO!

  • Tatiane De Oliveira Hirose

    27 de maio de 2015
    reply

    Eu e meu marido iríamos comprar ingressos para o show, mas JAMAIS (por mais fã que nós sejamos) iremos pagar R$ 400,00 reais para ver DE LONGE um show. É isso que me faz cada vez menos ir em shows.

  • André Avelar

    27 de maio de 2015
    reply

    Sou fã do Muse e quero ingresso mais barato. Acho que o preço está altíssimo e mesmo assim meu estômago revirou depois de ler essa nota de repúdio. Por favor, estudem um pouco de economia antes de escrever tanta besteira. Não sei se os autores da nota sabem, mas existe “Capitalismo de Estado” (google, please) e “Capitalismo”. Na nota expõe-se um ódio ao bendito Capitalismo que permite ao MUSE, ter instrumentos de primeira, que permite a gravação e VENDA do disco em escala global, permite que uma variedade de fornecedores de equipamentos de som disputem entre si para que o MUSE escolha a melhor para trazer o Allianz Parque (tmb, fruto do capitalismo)… e olha só, que coisa! Graças ao capitalismo, temos esse espaço no Facebook, até para escrever abobrinha. Vocês colocam a T4F como uma vilã e não citam em nenhum momento o governo brasileiro que achaca com impostos as empresas, as bandas e até o cara que vende água no show (já ouviram falar em custo Brasil?). Vcs acham que a Sony quando coloca o playstation por 4 mil ou a T4F coloca o ingresso premium por 650,00 é pq estão louquinhas pra falir e receber críticas? Tanta ingenuidade! Elas querem/precisam sim… LUCRO! Estão agregando valor na sociedade! Estão indo buscar o MUSE lá do sofá e trazendo aqui pra Rua Turiassú, 1840! Tentem fazer uma vaquinha (ou um crowdfunding) e trazer o MUSE pra cá, a T4F consegue. Voltando! Esse ódio não deveria estar mirado no Capitalismo, mas sim no “Capitalismo de Estado” que é o que acontece no Brasil. O altíssimo intervencionismo do governo nas empresas, o custo ter uma empresa no Brasil ou trazer algo para cá é exorbitante, esse é o problema, não a “má” T4F que quer capitalizar em cima do nosso amor por uma banda mimimi… A T4F ainda não virou instituição de caridade pra esse mimimi socialista (esse sim, mais nefasto ainda, pergunta pro MUSE quando eles vão tocar em Cuba ou Coréia do Norte!). Para serviços e produtos mais baratos temos que lutar por Capitalismo (puro) e livre mercado, para aumentar a competitividade e reduzir os custos, e tudo isso é sinônimo de liberdade, sem agressão estatal… Liberdade essa, tanto exaltada em Uprising e Supremacy e que o Capitalismo de Estado não pode oferecer, muito menos o socialismo.

  • Fábio Sábio

    27 de maio de 2015
    reply

    Dizer que esta caro os ingressos, concordo. Mas dizer que é o mais caro dos show não. Os preços dos shows no Brasil tem praticamente o mesmo valor e são vendidos assim a muito tempo, um absurdo. Mas fico preocupado por esse sera um show solo do Muse tao espero e solicitado por todos os fan do Muse. Se o evento for um fracasso de publico adeus, pode ter certeza que a Banda não retornara ao Brasil para shows solos.

  • Ines Freitas

    28 de maio de 2015
    reply

    Isto é absurdo! Super abusivo! Espero que baixem os preços…. boa sorte de Portugal

  • Pingback: Sobre ingressos e afins | Meu Lado Cultural

    29 de maio de 2015
    reply
  • Flavio Antonio

    29 de maio de 2015
    reply

    Show!!!! Arrebentaram galera do MUSE BR, é isso aí, amor por nós mesmos antes de mais nada, respeito e consideração é o q falta pelo nosso povo!!!! Q o Exemplo de voces seja seguido em vários outros lugares desse nosso pais pequeno e pobre de carater!!!!!

  • Gabriel Sussumu

    6 de junho de 2015
    reply

    Sabem se haverá uma certa disponibilidade de ingressos por volta do meio do mês que vem? Até lá consigo juntar um dinheirinho, mas agora realmente não tem como…

  • toms女鞋

    8 de junho de 2015
    reply

    toms女鞋

    台灣toms專櫃

  • Pâmela Galeski

    18 de junho de 2015
    reply

    Queria demaaaais ir nesse show, mas realmente com esses valores não dá.
    Pensei que pelo menos para os fãs (quem tem cadastro no site do MUSE onde teve a pré venda) teria um desconto, mas nem isso.

  • fitflops in australia

    27 de junho de 2015
    reply

    fitflops in australia

    fitflops sale clearance

  • fitflop malaysia store

    24 de julho de 2015
    reply

    fitflop malaysia store

    fitflops malaysia outlet

  • fitflop sandals sale

    3 de agosto de 2015
    reply

    fitflop sandals sale

    fit flop

  • birkenstock store

    15 de agosto de 2015
    reply

    birkenstock store

    birkenstock sandals

  • gizeh birkenstock

    21 de agosto de 2015
    reply

    gizeh birkenstock

    buy birkenstocks

  • birkenstock mayari

    10 de setembro de 2015
    reply

    birkenstock mayari

    birkenstock gizeh sale

  • fitflops australia sale

    11 de setembro de 2015
    reply

    fitflops australia sale

    fitflops

Leave a Comment

%d blogueiros gostam disto: