Tudo sobre a banda britânica Muse formada por Matt Bellamy, Dom Howard e Chris Wolstenholme.

Instagram Facebook Twitter

UOL: Muse deixa de lado grande produção de seus shows para ser atração de abertura do U2

O portal UOL Música conta detalhes do show de ontem e destaca o horário britânico da banda, que não se atrasou nem um minuto para entrar no palco. Confira:

Na Europa e no Reino Unido, eles têm seu próprio show para estádios, públicos numerosos e bandas de aberturas para suas apresentações. No Brasil, o trio inglês Muse chegou diminuto. Atração convidada pelo U2 para a etapa sul-americana da 360º Tour, a banda fez neste sábado (9), no Estádio Morumbi em São Paulo, um pocket show de 45 minutos para os cerca de 90 mil fãs de Bono e companhia. 

Embaixo da enorme garra que compõe o atual palco do U2, o Muse transpôs ao vivo a característica grandiosa e épica de seu álbum temático “The Resistance”, lançado em 2009 e recebido como pretensioso pela crítica, especialmente pelas muitas referências e cópias impudentes, que vão de Queen à música clássica. Ao vivo, Matt Bellamy mostra que está marcando presença nas aulas de megalomania do U2.

Pontualmente às 20h, a comercial “Uprising”, do recente disco, veio em primeiro lugar, provando que as novas composições do Muse, sinfônicas e progressivas, são construídas para serem ouvidas em estádios, apesar do som baixo e menos potente regulado para o trio.

Parte do sucesso do Muse está na montagem de seus repertórios. A sequência do setlist é tão redonda que faixas mais antigas, como “Supermassive Black Hole” ou “Stockholm Syndrome”, encaixam certeiras. Nos 45 minutos que estiveram no palco, a banda mostrou um show meio heavy metal, meio ópera com todo excesso do rock and roll, refletindo as incursões no caos do universo e do apocalipse onde mergulha o líder do Muse.

Sem chuva de fogos e efeitos de laser que acompanham seus shows, o Muse se deu por satisfeito com o convite de abertura para os irlandeses, que vê no trio londrino “um grande power trio” da atualidade, comparável a nomes como Cream e Jimi Hendrix.

Fonte: UOL.

Comments: 6

  • Coltsfan

    10 de abril de 2011
    reply

    FODA!

  • musemaniac14

    10 de abril de 2011
    reply

    foda mesmo, mas como diz o diretor do maldito colegio onde estudo, “vc pode melhorar ainda +”
    espero ve-los na tour do 6 album e espero que ela passe por aqui!
    um sonho grande demais, mas possivel de se realizar…

  • dannyy

    10 de abril de 2011
    reply

    FOI DO BARALHO POW!!! Mas pra mim fica pra próxima mesmo.

    • dannyy

      10 de abril de 2011
      reply

      Só pra citar, não gostei do jeito que quem escreveu isso se referiu a banda.

  • Michael França

    11 de abril de 2011
    reply

    Aff comparou muito MUSE ao u2, e eu não gosto de u2 só das músicas magnificent (<sei lá se está escrito corretamente) e A beautiful day

  • Gi.Dias

    12 de abril de 2011
    reply

    Mancada Isso! e Ainda vaiaram o Muse no Show desses Irlandeses!

Leave a Comment

%d blogueiros gostam disto: